Aprovação pelo FDA do Everolimus para o tratamento de adultos portadores de tumores neuroendócrinos não funcionais bem diferenciados do trato gastrointestinal ou do pulmão,com a doença localmente avançada(irressecável)ou metastática

Esta aprovação foi baseada na melhora da sobrevida livre de progressão evidenciado em um estudo randomizado multicêntrico que comparou placebo associado ao melhor tratamento de suporte versus everolimus 10mg via oral ao dia associado também ao melhor tratamento de suporte.O ensaio clínico recrutou 302 pacientes portadores de tumor neuroendócrino de origem gastrointestinal ou pulmonar irressecável,localmente avançado ou metastático,bem diferenciado(grau baixo ou intermediário de diferenciação),não funcional(sem sintomas recentes ou antigos de síndrome carcinoide:vasodilatação periférica,diarreia,broncoespasmo,etc).A sobrevida média livre de progressão foi de 11 meses para o grupo tratado com o everolimus e de 3,9 meses para o grupo que fez uso do placebo(p<0,001).Até a publicação do estudo não foi revelada diferença com significação estatística da sobrevida global entre os braços terapêuticos.

2017-01-31T16:13:23+00:00

Deixar Um Comentário